banner farmacia  preço baixo
condaron

Bolsonaro provoca Ivete Sangalo após coro em show da cantora

Ivete Sangalo puxou coro contra Jair Bolsonaro durante show
Ivete Sangalo puxou coro contra Jair Bolsonaro durante show

Foto: Reprodução | Redes Sociais

O presidente Jair Bolsonaro (PL) teve alta hospitalar nesta quarta-feira, 5, após internação por uma obstrução intestinal. Durante a entrevista coletiva, Bolsonaro aproveitou para atacar a cantora Ivete Sangalo que, recentemente, se manifestou contra o governo federal em um show em Natal (RN) puxando o coro “Ei Bolsonaro, vai tomar no c*”. As imagens viralizaram na internet.

O presidente justificou a atitude de cantora dizendo que ela foi afetada financeiramente depois que as verbas destinadas a artistas por meio da lei Rouanet foram reduzidas.

“Estamos mexendo na Lei Rouanet. Quando entrei no governo, o limite para artistas era de R$ 10 milhões por ano. Eu passei imediatamente para R$ 1 milhão. Conversei com o Mario Frias agora e vamos passar, nos próximos dias, para R$ 500 mil. Queremos atender aquele artista que está começando a carreira, e não figurões ou figuronas como a querida Ivete Sangalo”, disse Jair Bolsonaro.

“Ela [Ivete Sangalo] está chateada, o Zé de Abreu está chateado porque acabou aquela ‘teta gorda’ deles de pegar até R$ 10 milhões da Lei Rouanet e defender o presidente de plantão. Não quero que me defendam, quero que falem a verdade ao meu respeito. Fizemos muita coisa”, disparou o presidente.

A Lei Rouanet faz parte do Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac). Para receber os  recursos desse mecanismo, o artista, produtor cultural ou instituição deve submeter sua ideia para análise da Secretaria Especial da Cultura. Caso seja aprovado, o projeto está liberado para tentar captar recursos junto a apoiadores, como empresas ou pessoas físicas.

Comentarios